Código de Ética

    4 Pontos Fundamentais para Elaborar um Código de Ética

    1024 532 RBNA Consult

    O ambiente de negócios vem evoluindo e se transformando de forma rápida. Devido a esse cenário, houve um aumento na demanda por temas relacionados a Compliance. As legislações, regulamentações e fiscalizações estão cada vez mais rígidas, resultando em pesadas sanções de ordem financeira e econômica, tanto para empresas quanto para indivíduos. Nesse contexto, o RBNA Consult traz pontos que devem ser considerados antes de fazer o código de ética de uma empresa:

    1. LEGISLAÇÃO

    Dentre a legislação existente, é importante se atentar a Lei n. 12.846/2013 (“Lei Anticorrupção”), ao Decreto n. 8.420/2015 (que regulamenta a Lei n. 12.846/2013), a ISO 19600:2014 e a ISO 37001:2016 .

     

    1. OBJETIVO DO CÓDIGO DE ÉTICA

    O código de ética é uma fermenta portadora dos princípios, da visão e da missão da empresa. Ela deve levar as pessoas a pensar e mostrar os valores nos quais aquele grupo (empresa e colaboradores) acredita.

     

    1. PONTOS EM COMUM

    Alguns pontos são essências para todo código de ética, como por exemplo, estipular com clareza o que é apropriado ou não é tolerado em diversas circunstâncias e guiar as tomadas de decisões éticas nos negócios.

     

    1. PRINCÍPIOS DA GOVERNANÇA CORPORATIVA

    Os princípios básicos de governança corporativa se baseiam na transparência, equidade, prestação de contas (accountability) e responsabilidade corporativa, em maior ou menor grau, dependendo da empresa. O resultado dessas boas práticas é um melhor clima de confiança interna e com as partes interessadas (stakeholders).